Botafogo Futebol Clube completa 70 anos de história em Jaraguá do Sul
21/11/2019 07:54 em Esporte

Nesta quarta-feira (20), o Botafogo da Barra do Rio Cerro - herdeiro do antigo clube Palestra Itália e Sociedade Cruzeiro -, de Jaraguá do Sul, completou 70 anos de fundação.

Para marcar a data, o clube de futebol amador organizou no último sábado (16) a celebração em homenagem aos fundadores e dirigentes, com almoço típico e tarde dançante. Há dez anos Ari Enk preside a diretoria do clube associativista com outros associados.

>>> Quer receber as principais notícias da região no WhatsApp? Clique aqui 

O evento de celebração se tornou o reencontro, dos ex-dirigentes do clube, ex-atletas do futebol amador, encontro das famílias da Barra do Rio Cerro, como Satler, Rubini, Piazera, Girola, Riboldi, Tecilla, Oldenbrug, Enke, Hanemann, Hruschka, Demarchi, Papp, Milbratz, Marquardt, Vasel, Schmitt, entre outras.

Muitos dos ex-atletas, como o prefeito de Schroeder, Osvaldo Jurck(ex-goleiro); José Olivio Papp, ex-secretário de governo das prefeituras de Jaraguá do Sul e Guaramirim, Sandro Schmitt, Guido Schmitt, Carlito Mannes, Tarcigio Satler, outros, compareceram à celebração.

Do meio do futebol amador botafoguense, muitos deles se tornaram empreendedores, lideranças políticas e trabalhadores de referências no segmento fabril ou/e comercial.

Em 70 anos de existência, a “Estrela Solitária” cumpriu a missão de difundir o lazer esportivo do futebol amador, bocha, canastra, encontro de músicos folclóricos (música alemã) e do lazer cultural, através das tradicionais festas de tiro rei e rainha, cuja tradição sendo ainda preservada, como a única festa anual, visando salvaguardar o patrimônio do schützenverein.

Vale ressaltar que o clube ao longo da sua trajetória contou com contribuições significativa da família Weege, através dos senhores Wolfgang e Wander. Assim, foram iniciativas da família Weege, a cedência da edificação de enxaimel, para a instalação da antiga sede da Sociedade Cruzeiro (1944); doações do terreno da atual sede social, parte do terreno do campo de futebol, reformas da sede social, colaboração e apoio em eventos diversos.

Assim registra-se os agradecimentos à família Weege, Luiz Satler (sede do primeiro campo de futebol), ao atual presidente, senhor Ari Enke, aos associados e apoiadores.

De modo especial, um voto de louvor ao público participante na celebração, pois foi significativo. Os mesmos revelaram o sentimento de pertencimento à história do associativismo, elemento agregador, que tornou o Botafogo um ponto de sociabilidade de várias gerações.

Com informações do historiador Ademir Pfiffer.

 

COMENTÁRIOS