Vice-governadora fala sobre protagonismo do jovem rural
20/03/2019 10:56 em Política

O papel transformador do jovem no meio rural, a profissionalização, o acesso a tecnologias foram alguns dos assuntos abordados pela vice-governadora, Daniela Reinehr, em palestra, nesta terça-feira, 19, em Itajaí, durante a aula inaugural do curso de Liderança, Gestão e Empreendedorismo com jovens rurais das regiões de Itajaí, Blumenau e Joinville. Ela também visitou a Estação Experimental da Epagri de Itajaí (EEI).

Para entrar no grupo de WhatsApp da Schroeder FM, clique aqui.

 

Daniela Reinehr destacou que Santa Catarina é um Estado que produz muito. “As pessoas são dedicadas e trabalham incansavelmente para produzir os alimentos. É muito importante a participação do jovem e de sua família para avançar no processo de melhoria das atividades. Os jovens estão investindo nos seus projetos de vida. É muito bom vê-los procurando conhecimento para aprimorar os trabalhos em suas propriedades. A Epagri desenvolve um trabalho de excelência”, disse.

Neste ano serão 32 jovens rurais das regiões de Itajaí, Blumenau e Joinville que vão participar do curso da Epagri, estruturado em oito encontros, que serão realizados até agosto, no Cetrei. Em cada encontro, que durarão três dias, os jovens serão capacitados nas principais cadeias produtivas da região. Entre os diversos temas abordados, estão olericultura, plantas bioativas, agroindústrias, bananicultura, turismo rural, essências florestais e palmeiras, floricultura, piscicultura e rizicultura.

“Considero este curso como um dos momentos mais importantes que a Epagri tem vivido nestes últimos anos, pois realmente ele faz a diferença e traz muitos resultados. Oferece ao jovem a opção de fazer sua escolha de vida e mudar sua realidade”, salientou o gerente Estadual de Extensão Rural e Pesqueira da Epagri, Darlan Rodrigo Marchesi.

A aula inaugural da terça-feira dará início ao primeiro módulo desse ciclo de capacitação. Até o dia 21 de março, os 32 jovens participantes estarão imersos na discussão dos seguintes temas: empreendedorismo, legalização de propriedade (APPs, mata ciliar e reserva legal), maquete da propriedade, plano de propriedade e identidade da agricultura familiar. Ao final dos três dias será feita uma avaliação do módulo pelo grupo.

A Epagri promove há 10 anos cursos de Liderança, Gestão e Empreendedorismo para jovens rurais do Estado. Neste período foram capacitados mais de 2 mil catarinenses, em 72 turmas. Ao final de cada curso, os alunos elaboram projetos de melhorias em suas propriedades rurais e a Epagri seleciona os melhores, que recebem financiamento do Estado para serem implementados. Nesta década, foram 902 projetos financiados, no valor de R$ 7,8 milhões.

Vanuza Kertischka, de Doutor Pedrinho, contou que seu esposo Rodrigo fez o curso, e os conhecimentos adquiridos mudaram vida da família. “O acesso à informação foi o mais importante. A gente acha que agricultura é baixar a cabeça e trabalhar, mas não é assim. Com o curso conseguimos aplicar técnicas, manejos e a parte administrativa. Hoje produzimos tomate orgânico certificado e outros produtos. O curso foi um divisor de águas na nossa vida. Só temos a agradecer”.

Estação Experimental da Epagri de Itajaí

O EEI é responsável por 30% de todas as tecnologias geradas pela companhia. A unidade já desenvolveu mais de 30 cultivares de arroz, oito de hortaliças e uma seleção de banana, todas disponibilizadas para as cadeias produtivas e com expressivo impacto na agricultura catarinense. Frutas cítricas, plantas bioativas e palmáceas também são destaques entre as linhas de pesquisa da unidade.

COMENTÁRIOS